Ellansé: uma nova linha de preenchedores e bioestimuladores faciais

À medida que a pele envelhece, perde as proteínas estruturais (o colágeno e a elastina), tornando-se fina e flácida, o que contribui para um aspeto cansado e envelhecido. O envelhecimento facial é um processo de diversos fatores que afeta diferentes camadas. Os quatro processos básicos de envelhecimento são: diminuição do nível de colágeno, alterações da distribuição das fibras de colágeno e da ultraestrutura (desorganização da rede de colágeno), e fragmentação das fibrilas.

Quanto as camadas afetadas durante o processo de envelhecimento, ocorre principalmente por:

• Reabsorção e remodelamento ósseo: A perda significativa de osso facial leva a perda de volume biométrico facial e alterações notórias em outras camadas da pele e do tecido flácido suprajacente;

• Tônus e atrofia muscular: A musculatura facial torna-se mais tensa e atrófica, contribuindo para o descaimento facial e deslocação do tecido adiposo para níveis mais baixos do rosto;

• Perda e redistribuição da gordura: A perda e/ou a migração dos compartimentos de gordura faciais pela ação dos músculos leva ao aparecimento de vincos e sulcos profundos e de defeitos do contorno. O acúmulo de gordura em algumas áreas, como o “buldogue” ou “bolsas de olheira” cria uma aparência de inchaço permanente.

O Ellansé faz parte de uma linha nova de preenchedores faciais, constituído por carboximetilcelulose aquosa com microesferas sintéticas de policaprolactona. É utilizado com concentração fixa, porém com diferentes comprimentos nas cadeias de polímeros que garantem níveis variáveis de durabilidade dos resultados. As microesferas de policaprolactona são completamente lisas e uniformes, portanto tem o formato ideal para o uso em produtos de preenchimento nas diferentes camadas afetadas durante o processo de envelhecimento. O Ellansé recorre à resposta natural do corpo para estimular a formação de colágeno, restaurando naturalmente as formas que o tempo apagou. Desta maneira, além do produto realizar um preenchimento facial, estimula a neocolagênese, ou seja, formação de colágeno novo do próprio do corpo em todas as camadas do rosto.

O tratamento é executado com anestesia local e a quantidade de produto utilizado varia de acordo com as imperfeições específicas que se deseja harmonizar. É um implante injetável indicado para aplicação subdérmica e destinado à correção de longa duração de rugas e outras imperfeições ou outras condições do tecido conjuntivo. Este procedimento é simples e seguro. Geralmente é realizada apenas uma aplicação, porém pode ser repetido se necessário. Os resultados são imediatos e de aparência natural, que duram de 1 a 4 anos, dependendo do Ellansé recomendado pelo seu dermatologista. As correções realizadas se mantêm ao longo do período de duração do produto, evitando que você precise de várias sessões. Em relação aos efeitos adversos, à semelhança de qualquer outra injeção, poderão ocorrer efeitos secundários tais como vermelhidão, inchaço e hematomas localizados. Após o tratamento é recomendado que se evite banhos quentes e exercícios excessivamente vigorosos durante 24 horas, bem como a sobre-exposição ao sol e à luz ultravioleta durante uma semana após o tratamento.

Ver perfil

Matéria Por

Dr. Guilherme Bueno De Oliveira

Dermatologia

CRM: 135.574 RQE 38942 | São José do Rio Preto

Matéria Por

NATÁLIA ROSSI BUENO

Dermatologia

CRM/SP 134.623 | RQE 48435 | São José do Rio Preto

Deixar Comentário

Outras MATÉRIAS